sábado, 28 de maio de 2011

movimento inclusão Ja Parque do Carmo 17-10-2010 fotos

movimento inclusão Ja Parque do Carmo 17-10-2010 fotos

CPI: SPTrans diz que 100% da frota será adaptada até 2014, Será que desta vez vão cumprir com o que dizem? Já prometeram para 2010 e não cumpriram


CPI: SPTrans diz que 100% da frota será adaptada até 2014

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Acessibilidade interrogou nesta terça-feira representantes da SPTrans a fim de obter mais informações sobre a situação dos ônibus em São Paulo.

Sobre os veículos adaptados para transportar cadeirantes, seja com elevadores, rampas ou piso baixo, o chefe de gabinete da SPTrans, Roberto Antonio Diniz, afirmou que 100% da frota será composta por coletivos acessíveis em 2014.

Diniz citou que, atualmente, 5.800 ônibus — o correspondente a mais da metade da frota da capital — já são adaptados. Esse número, segundo ele, supera a obrigação contratual, que exige um veículo acessível por linha.

O representante da SPTrans também foi questionado, pelo vereador Claudio Prado (PDT), a respeito das paradas em bairros e ruas menores, que muitas vezes impossibilitam o acesso dos cadeirantes aos coletivos. Ele confirmou que existem muitas dificuldades na implantação de linhas totalmente adaptadas.

"Em muitos locais onde o ônibus precisa chegar, as condições de topografia não permitem o acesso de um veículo de piso baixo, e em outros lugares não é possível construir uma plataforma elevada. A multiplicidade de locais que precisam ser atendidos demandam uma análise ponto a ponto", declarou.

BILHETE ÚNICO ESPECIAL
A gratuidade do transporte concedida a portadores de deficiências física e intelectual também foi debatida na reunião da CPI da Acessibilidade. A discussão teve como gatilho o recente acordo judicial entre SPTrans, Defensoria Pública e secretarias da Saúde e do Transporte, que dispensa laudo médico de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) para obtenção do Bilhete Único Especial, possibilitando a apresentação de atestado expedido por qualquer médico.

Roberto Antonio Diniz e o vereador Gilberto Natalini (sem partido) concordam que a mudança representa um avanço na concessão do benefício, uma vez que facilita a formalização de pedidos. Além disso, Diniz explicou que, caso o requerente tenha a solicitação negada, agora será possível entrar com recurso.

A única ressalva levantada por Natalini está no risco maior de fraudes na obtenção do Bilhete Único Especial. "É sabido que há uma máfia de laudos médicos em São Paulo. É necessário que haja fiscalização para que não aconteça esse tipo de ação criminosa".

(24/05/2011 - 12h41)

Fonte http://www.camara.sp.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=3939:cpi-sptrans-diz-que-100-da-frota-sera-adaptada-ate-2014&catid=35:cpis&Itemid=92


Senhores vereadores essa publicação acima do site da CMSP nos deixam algumas duvidas

Como que Diniz citou que atualmente temos 5.800 ônibus acessíveis se no site da SPtrans esta publicado que existem 3.900 veículos acessíveis? — o correspondente a mais da metade da frota da capital — já são adaptados?
Esta havendo um grande engano nessas declarações,Se temos uma frota total de 15 mil ônibus, não temos mais da metade da frota adaptada e acessível, essa declaração do Sr.
Roberto Antonio Diniz esta equivocada, vejam no link da SPtrans o numero de ônibus adaptados e acessíveis
http://www.sptrans.com.br/passageiros_especiais/frota.aspx

Outro ponto importante que devemos ressaltar é que essa lei municipal de um ônibus adaptado por linha é absurda e inconstitucional, uma Lei municipal não anula uma lei federal verifiquem a Lei 10.098/2000 regulamentada pelo
DECRETO5.296 DE 2 DE DEZEMBRO DE 2004 ao que nos parece tem gente que vive na idade da pedra para se apoiar em uma lei municipal absurda que obriga a ter um ônibus adaptado por linha, parece piada mais ainda vemos e escutamos esses absurdos, mas o pior de tudo é que tem gente que engole esse tipo de argumento na tentativa de justificar o descumprimento das leis em nosso país.

segunda-feira, 23 de maio de 2011

A Prefeitura de São Paulo entregou na manhã de quinta-feira (19/5/11) 39 novos carros para o Serviço Atende, que completa 15 anos de atuação

Prefeitura entrega 39 veículos ao Serviço Atende

A Prefeitura de São Paulo entregou nesta quinta-feira (19/5) 39 novos carros para o Serviço Atende, que completa 15 anos de atuação no transporte de pessoas com deficiência física com alto grau de severidade e dependência. Com a entrega a Prefeitura atinge 98% da meta estabelecida pela Agenda 2012.

Há 15 anos o Atende transporta de pessoas com deficiência

A Prefeitura de São Paulo entregou na manhã desta quinta-feira (19/5) 39 novos carros para o Serviço Atende, que completa 15 anos de atuação no transporte de pessoas com deficiência física com alto grau de severidade e dependência. Com essa iniciativa, a Administração alcançou um índice de 98,6% da meta estabelecida pela Agenda 2012. O prefeito apresentou os veículos no Sambódromo do Anhembi, Zona Norte da Capital, e ressaltou a eficiência do serviço prestado pelo programa.

“O Atende envolve o coração das pessoas. Os funcionários participam inclusive emocionalmente desse programa, pois eles sabem o quanto é importante a solidariedade deles. E isso vai além da prestação de serviço. Os usuários reconhecem o carinho dos motoristas e dos funcionários. A Prefeitura se esforça muito para poder deixar à disposição dos usuários o melhor serviço possível, procurando atender toda a demanda e cumprir a nossa missão, que é uma das mais nobres que temos na Administração”, afirmou o chefe do Executivo Municipal.

Os novos veículos se somarão a outros 335 carros adaptados do Serviço Atende, atingindo a marca de 374 viaturas. Com isso, a 18 meses do prazo, a Prefeitura se aproxima da meta estabelecida pela Agenda 2012, que é de 379. “Faltam apenas cinco veículos para cumprir a meta. A idéia é superar esse objetivo, pois aquilo que está no caderno é uma diretriz. Esperamos até o fim deste ano atingir o número que foi programado para o final de 2012”, afirmou o secretário adjunto da Secretaria Municipal de Transportes.

As 39 viaturas significarão um investimento mensal da Prefeitura de R$ 410 mil. Atualmente, o Serviço Atende transporta 6.395 passageiros por mês, sendo 3.674 deficientes e 2.721 acompanhantes, que partem de suas residências para instituições de atendimento dentro da cidade de São Paulo. O Atende gera anualmente 12 milhões de quilômetros rodados e 1 milhão de viagens, sem nenhum custo aos passageiros.

“Com a chegada das novas viaturas, o planejamento do Atende poderá maximizar o serviço pela Cidade”, observou o secretário adjunto de Transportes. A ampliação da frota vai possibilitar à SPTrans aumentar a capacidade do atendimento em rotas programadas e em viagens eventuais, uma das maiores reivindicações das pessoas que utilizam esse tipo de transporte.

Comemoração

Nesta sexta (20/5), acontece uma grande festa para comemorar os 15 anos do Atende. O evento, que começa às 18h30 no Auditório Elis Regina, no Anhembi, vai homenagear os motoristas e usuários do sistema. Casos de Edismar de Souza e Edson Damasceno, dois dos condutores dos veículos do Atende. Eles ressaltaram o prazer de prestar serviços para uma parcela da população que tanto precisa de ações de mobilidade.

“Esse é um trabalho muito lindo que prestamos. Fazemos isso com amor, com o coração. Amo muito o que faço. Amo todos os usuários. Sou muito grato por fazer parte desta equipe”, destacou Souza. Damasceno concordou com o colega. “Além de ser muito gratificante, é um grande aprendizado, pois acompanhamos de perto as dificuldades que eles passam”.

Inscrições

As inscrições para o Atende podem ser feitas nos postos de atendimentos da SPTrans nas 31 Subprefeituras da Cidade. Pioneiro no atendimento de pessoas com deficiência física com comprometimento severo de mobilidade, é modelo para a implantação do serviço em outras cidades como: Santo André, Campinas, Ribeirão Preto, São José dos Campos, Osasco, Guaratinguetá e Ibiúna - todas no Estado de São Paulo, além de Vitória (ES) e Aracaju (SE).

Gratuidade

Pessoas com deficiências físicas e intelectuais viajam de graça nos ônibus do Município. Cerca de 250 mil pessoas já possuem o Bilhete Único Especial para pessoas com deficiência. Para solicitar o Bilhete Especial, o cidadão deve comparecer a um dos 17 postos de atendimento a passageiros especiais da SPTrans de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Ele deve portar os seguintes documentos: carteira de identidade (RG); certidão de nascimento (quando menor de idade sem RG); comprovante de endereço recente (máximo de seis meses), como conta de água, luz, telefone ou outro documento de comprovação com CEP; laudo médico válido por 60 dias, a partir da data de emissão fornecida por uma das unidades de saúde do Município ou da Região Metropolitana, além de outras entidades credenciadas, conforme relação disponível no site http://www.sptrans.com.br/bilhete_unico/comoObterDeficiente.aspx.

Fonte da matéria acima: Portal da Prefeitura de S.Paulo

Integrantes do Movimento Inclusão Já estiveram presentes junto a vários representantes do seguimento de pessoas com deficiência na festa de comemoração dos 15 anos do serviço ATENDE no dia 20/05/2011 que foi realizada no Anhembi auditório Elis Regina.

Foto acima: José Carlos Biagioni Gerente do serviço ATENDE e Valdir Timóteo presidente do Movimento Inclusão Já

convite acima


domingo, 22 de maio de 2011

O jornal FATO PAULISTA vêm trazendo em todas as suas edições as lindas modelos da Agencia Kica de Castro desta vez foi a modelo Priscila Menuci

Jornal FATO PAULISTA um belo exemplo de ajuda em trabalhar a conscientização quebra de preconceitos e a inclusão social de pessoas com deficiência em sociedade, o jornal FATO PAULISTA vêm trazendo em todas as suas edições as lindas modelos da Agencia Kica de Castro na edição de numero 147 traz a maravilhosa modelo e atriz com nanismo Priscila Menuci de 36 anos de idade.
Kica de Castro é fotografa e publicitária e é a pioneira no Brasil em criar uma agencia de modelos exclusivamente para pessoas com todos os tipos de deficiência, Kica de Castro trousse essa inovação com muita força para o mercado e seu trabalho vem crescendo muito a cada dia suas modelos já se apresentaram em varias estações de televisão é objeto de centenas de matérias nas mídias escritas e um grande fenômeno de reconhecimento do seu trabalho na internet com reconhecimento internacional, o trabalho de Kica de Castro é tão útil lindo e inovador e reconhecido que vem ganhando seguidamente espaço para suas modelos em varias capas de revistas.

Kica de Castro profissional revelação do destaque para a inclusão social de pessoas com deficiência dos últimos anos é assim que nós do Movimento Inclusão Já a vemos.

Parabéns ao jornal FATO PAULISTA por dar destaque a esse maravilhoso trabalho e Parabéns a Kica de Castro e toda a equipe de modelos que fazem parte desse lindo trabalho.

Contato de Kica de Castro Tel. (11) 8131-0154 www.kicadecastro.webs.com e-mail kicadecastro@gmail.com Blog kicadecastro.blogspot.com

Para acessar o jornal FATO PAULISTA www.fatopaulista.com.br nós do Movimento Inclusão Já deixamos aqui os nossos agradecimentos a Luís Mário e a Ligia Minaro pelo grande apoio que vêm dando a inclusão social das pessoas com deficiência.

MOVIMENTO INCLUSÃO JÁ a cidadania em ação trabalhando por um mundo melhor para todos.

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Parabéns a Rede Record por levar um pouco de conhecimento a nossa sociedade sobre o que é o autismo, Movimento Inclusão Já pelo respeito as diferenças


Síndrome do autismo atinge uma em cada 150 pessoas, uma em cada 150 pessoas é autista.
Para a ciência, as causas ainda são um mistério, mas pior que o desconhecimento sobre a origem é a falta de informação. No Brasil, muitas pessoas acreditam que o autismo significa uma criança sem expectativa de desenvolvimento e sem capacidade de interação social. Foi justamente esse retrato equivocado que apareceu na televisão e o trocadilho com o nome do programa gerou uma grande polêmica. Manifestações contrárias ao que foi ao ar surgiram de todas as partes, em especial dos parentes de portadores da síndrome. Conheça essa doença e saiba como ela age no organismo dos autistas.
Parabéns a Rede Record por levar um pouco de conhecimento a nossa população e que nossa sociedade aprendam a respeitar a todas as pessoas lembrando que cada ser é único.

Prezados leitores notem na reportagem as crianças brincando e o relato de uma pessoa autista, o que mostra a injustiça realizada pelo programa "COMÉDIA MTV" que através de uma coisa que pensaram ser uma piada ridicularizaram pessoas que precisam de oportunidades e respeito.

Errar é Humano, e em nossa sociedade quando cometemos um erro somos julgados e punidos perante as Leis estabelecidas em nosso país, Após cumprir-mos com a pena determinada pela justiça ficamos quites com a sociedade, Nesse sentido após a retratação dos artistas e com o comprometimento da MTV em fazer campanhas a fim de de consciencializar nossa sociedade, Nosso pedido é que não condenem os atores eles erraram mas estão aprendendo com o erro e daqui para frente podem ser nossos aliados contra o preconceito e contra a discriminação, Lembrem-se que não existe pena perpetua em nosso país e as pessoas que erraram não podem receber uma condenação perpetua por parte de nossa sociedade.

Que o respeito o entendimento e a Paz reine entre todos nós, Movimento Inclusão Já trabalhando por um mundo onde o respeito seja para todos.